SOLICITAÇÕES
| 41 3595-8300

ATIVO DIFERIDO

Em contabilidade utiliza-se essa expressão para indicar a parcela do ativo, que embora sejam despesas, permanecem no ativo porque farão parte do resultado nos exercícios seguintes. Ex. gasto com desenvolvimento de produto. Como em um primeiro momento só tem despesas, esse valor ficava no ativo diferido até proporcionar receitas. A partir daí poderiam ser amortizados os valores. Ocorre que após a edição da Lei nº 11.638/2007 não existe mais ativo diferido na ordem contábil.

SUGESTÕES

Envie sugestões de termos e contribuições no formulário ao lado: